Sociable

terça-feira, 15 de março de 2011

OPALA..UM TESOURO VINDO DA AUSTRÁLIA!!!

opala leitosa branca

Opalas são lindas pedras que parecem ter raios de luz dentro! São atraentes e muito valorizadas por sua raridade.
Ela é um mineral composto de silica e é classificada na família dos quartzos.
Seu nome deriva do nome sânscrito upala ou opalus
.anel opala
A opala tem um grande acúmulo de água e por isso ela se torna muito frágil podendo se deteriorar  facilmente com alta temperatura. Opalas também riscam com facilidade, portanto queridos, cuidado com suas lindas gemas!!
Além do mais, a opala é muito porosa, ou seja; precisam de cuidados de verdade quando são manipuladas e guardadas.
anel com opala 
Por seu brilho colorido ela é considerada um amuleto em muitos países. Sei que sempre que falo de pedras escrevo que muitas delas são amuletos para um povo ou outro. definitivamente o homem desde sempre foi encantado por minerais num nível que acaba cultuando e colocando diferentes significados em cada uma das gemas que descobre.
Se bem que nem sempre essa mística que colocam em cima das gemas é positiva. Existem povos na Europa que por anos acreditavam que a opala era o olho do mal. Vocês acreditam nisso?
borboleta de opala
Opalas são mais comuns brancas com os raios coloridos dentro, mas você pode encontrar rosa, vermelha, azul e violeta. As marrons e laranjas são pouco conhecidas e fazem também muito
colar de opala 
sucesso em joalheria. A Opala de Fogo é um bom exemplo disso, laranja, linda e inesquecível!
A cor caracteristica da opala vem da interferência da luz que entra na pedra. As mais raras são as opalas negras. Eu mesma nunca ví uma e tenho muita vontade de conhecer. E conhecer uma pedra é tocar e sentir em suas mãos.
Quem sabe um dia!?
As negras não são negras absolutas como o  onix. Elas tem um tom mais sombrio se comparamos com a leitosa típica branca que todo mundo conhece.
colar de opala 1
Dependendo da qualidade e da raridade de uma opala, podem custar como uma esmeralda, rubi ou até diamantes.
Opalas de alta qualidade são encontradas na Austrália em primeiro lugar, mas também no México, Peru, Canadá e Honduras.
O nosso Brasil também produz Opala. O Piauí é o estado que nos representa quando falamos de opalas.
brinco opala
Você consegue encontrar o sintético da Opala no mercado, além disso existem técnicas para potencializar o efeito de raios internos da pedra que são conhecidos de “doublets”. O Doublet consiste em colocar em baixo da opala uma pedra escura (normalmente onix) para fazer com que a pedra de cima se torne mais leitosa e seu efeito se potencialize. É bem bonito, mas é importante se informar antes de adquirir uma.
O ideal é sempre ter um joalheiro de confiança para fazer suas peças de modo que ele lhe esclareça sempre todos os detalhes de sua jóia e te permita escolher se quer um doublet ou não.
Mesmo com todos os cuidados pode acontecer de você encontrar minerais que se pareçam com a opala por isso abram os olhinhos.
E lembrem-se…. viagem de turismo para a austrália, por favor….. tragam opalas porque são as mais lindas que já vi!
Fonte:Fjoias

Nenhum comentário:

Postar um comentário