Sociable

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

BALDI HOME JEWELS




A utilização de pedras coloridas e preciosas na produção de objetos de decoração se tornou uma especialidade italiana ainda na época do Renascimento, especialmente na cidade de Florença, sob influência da família Médici.
Desde 1867, a Baldi tem proporcionado a ligação entre o passado e o futuro com peças de design clássico e atemporal, que enfeitam e agregam riqueza aos ambientes.
Uma nova geração de artesãos tem trabalhado em objetos com formas mais contemporâneas, que associam couros exóticos a materiais nobres, em inspirações que mostram o talento de designers como Luca Bojola, um expert em combinar a rusticidade do material bruto com a sofisticação em um produto final inigualável.
Produzidas seguindo técnicas clássicas de artesanato, as coleções respeitam a forma de cortar e lapidar mármores, ametistas e quartzos brutos, além de contar com entalhes rebuscados e detalhistas, e um acabamento sem precedentes, que elevam a arte da decoração a um novo patamar.
A atenção aos detalhes é crucial para superar as expectativas dos exigentes clientes, e assim, os artesãos da Baldi se envolvem com entusiasmo a cada novo projeto, dando vida a elementos de grande importância por proporcionar prazer e emoção. Cada processo é meticulosamente trabalhado por artesãos selecionados de acordo com suas melhores habilidades, que exploram ao máximo as linhas naturais dos mármores, os veios das madeiras de lei, a preciosidade dos tons exuberantes de cada material. O refinamento do artesanato é tanto, que nenhuma peça é idêntica à outra – elas são literalmente exclusivas.
Com inspiração clássica, os acessórios e objetos de decoração da Baldi são confeccionados com materiais nobres e de excelente qualidade, como mármores raros, pedras preciosas, ouro 24 quilates, prata-de-lei, cristais finíssimos, madeiras marchetadas, madrepérola, entre outros, que ganham vida e se mostram exuberantes em candelabros, luminárias, garrafas, vasos, poltronas, mobiliários, sets para toalete e objetos colecionáveis, capazes de agregar, luxo, suntuosidade e riqueza aos ambientes e interiores. Os detalhes personalizados dão um toque de charme e extravagância, que fazem toda a diferença entre uma residência bem decorada e uma que represente uma atmosfera top luxury.
Ametistas e quartzos são utilizados em peças de design incomparável, criando formas fabulosas. Entre os mais simples e elegantes objetos, uma residência decorada por Baldi abre suas portas para uma visão de esplendor e glamour, onde cada elemento é capaz de destacar sua própria personalidade.
Cada elemento é uma preciosa obra de arte, ou “home jewels” como a própria grife as define, por terem recebido a mesma atenção e tratamento artesanal que as jóias mais luxuosas.
O desafio máximo do design foi esculpir uma rocha de quartzo bruto da Amazônia para que ela se tornasse uma exótica banheira de 2,5 metros de diâmetro, conservando seu aspecto rústico e inigualável no lado externo. Projetada pelo designer Luca Bojola em 2008, a peça esteve exposta no Salão de Mobiliário de Milão daquele ano. Com capacidade para até 3 pessoas, a banheira foi comercializada pela Harrod’s em Londres por mais de US$ 790 mil – o preço para adquirir uma peça exclusiva, com a assinatura de um dos designers mais consagrados neste tipo de arte.
A Baldi acaba de inaugurar uma nova sede em Florença e está pronta para receber seus clientes para projetos de design de interiores, confecção de objetos de decoração exclusivos e explorar a imaginação e o requinte com suas preciosas home jewels.

Fonte:blogdoluxo

terça-feira, 30 de agosto de 2011

E CHANEL APRESENTA:




As criações da linha Baroque formam lindos mosaicos de cores e materiais, que influenciaram diferentes momentos da vida de Coco Chanel, como sua viagem a Veneza ainda nos anos 1920 ou suas memórias dos encontros com o Grão-Duque Dimitri.
O estilo sóbrio de Mademoiselle Chanel permitia a ela realizar a fantasia de usar jóias extravagantes e espetaculares em ocasiões especiais. Fiel a este espírito e a seu legado, a divisão Chanel Fine Jewelry explora a criatividade e o bom gosto através de jóias sofisticadas, como as novas criações intituladas de Première Onyx Collection.
As peças contam com elementos gráficos de beleza insuperável, compostos pela associação de metais nobres como o ouro branco e amarelo 18 quilates, à preciosidade dos diamantes e à sobriedade do ônix preto.
Diz a mitologia romana que ao cortar as unhas da deusa Vênus enquanto ela dormia, utilizando a ponta de uma flecha, Cupido criou uma pedra de um tom negro profundo e inigualável, que chamou de ônix.
Pertencente à família do quartzo, o ônix preto é uma pedra extremamente resistente, cuja textura fina e brilho único parecem ser perfeitos para qualquer tipo de lapidação e combinação criativa.
Confeccionadas artesanalmente, os anéis, pulseiras e colares receberam o formato de correntes, com elos de tamanhos diferenciados, em um visual que combina a tradição do design com as linhas contemporâneas e o atemporal contraste branco e preto.
A campanha publicitária traz a beleza clássica da atriz francesa Anna Mouglalis, que viveu Coco Chanel nos cinemas em 2009, fotografada por Dominique Issermann.
As peças da Chanel Baroque Première Onyx Colection representam um novo segmento entre as jóias mais refinadas da grife francesa.

Fonte:blogdoluxo

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

AS SERPENTES DA GÊNESIS....

Queria mostrar para vocês as duas lindas opções de serpente criadas pela Gênesis Jóias que pertencem a linha “Sensuale”
Poder, mistério e sensualidade inspiram esses
Feitos em  Ouro Amarelo 18k, com Diamantes Brancos, Diamantes Negros, Dolomitas Vermelhas e Ônix.
São colares lindos e como o próprio blog da Gênesis diz, “hipnotizantes”
É bem legal ver a reação das pessoas ao mito e ao símbolo da serpente. Há quem deteste, mas para mim é feminino demais.
Genesis Parabéns pelo trabalho!Vocês fazem diferença no cenário da joalheria!!!!








Fonte:falandoemjóias


sexta-feira, 26 de agosto de 2011

A ELEGÂNCIA DE NEIL LANE!





Neil Lane é um dos designers de jóias favoritos de muitas atrizes e celebridades de Hollywood. Seus exuberantes brincos, anéis e colares também são sensação durante as premiações sobre o tapete vermelho, como o Oscar e o Golden Globe Awards.

O estilo e a elegância das peças de Neil Lane impressionam até mesmo os mais ávidos colecionadores de jóias. Entre os cobiçados anéis de noivado confeccionados pelo designer estão os de Reese Witherspoon, Kate Hudson, Sandra Bullock, Brooke Shields e Jennifer Hudson. Neil Lane também contribui para o visual sofisticado de estrelas como Angelina Jolie, Madonna, Gwyneth Paltrow, Jennifer Lopez, entre outras, para quem desenha jóias personalizadas sob encomenda.

Antes de se lançar como designer, Neil Lane estudou pintura na L’Ecole des Beaux Arts em Paris por dois anos, o que lhe rendeu a oportunidade de investir suas pesquisas nas feiras de antiguidades, sempre buscando objetos, peças de arte e jóias com encantamento máximo e rara beleza. Neil sempre foi obstinado pela natureza, pelas cores e pelo design elegante e refinado, que é comumente representado pela preciosidade e extravagância de suas peças.

Durante o último Golden Globe Awards, a atriz Ginnifer Goodwin exibiu uma das mais suntuosas criações de Neil Lane: o Ruffle Bracelet.
O robusto frame em platina foi modelado inteiramente à mão, em um meticuloso trabalho artesanal que representa toda a habilidade técnica dos joalheiros experientes de Neil Lane. A habilidade do designer em combinar o visual vintage às linhas contemporâneas é fascinante e faz deste bracelete uma peça exclusiva.
Centenas de diamantes foram delicadamente aplicados sobre o frame, refletindo sua exuberância em diferentes tamanhos, nas lapidações brilhante e baguette. No total, mais de 50 quilates em diamantes decoram o Ruffle Bracelet.
O talento e a paixão de Neil Lane tem resultado em jóias de beleza incomparável, fato que lhe confere o posto de um dos designers de jóias mais premiados da América. Sua boutique está localizada em Los Angeles, mas Neil Lane também produz jóias personalizadas para os jet-setters da Europa e da Ásia, além da realeza do Oriente Médio.

Preço: US$ 250.000 

Fonte:blogdoluxo

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

MARAVILHAS DE JAEGER-LECOULTRE!!!





Jaeger-LeCoultre tem nos surpreendido com suas coleções majestosas de relógios, verdadeiras obras-primas, que mais parecem jóias do que simples instrumentos de medição do tempo. Não há dúvida que a Jaeger-LeCoultre seja um dos maiores fabricantes de Haute Horlogerie e Joaillerie do mundo.
Para a 65ª edição do Festival de Filmes de Veneza, a natureza serviu de musa inspiradora para a coleção Jaeger-LeCoultre Le Lierre.
Enaltecidas por suas forças e proteção, as heras e gavinhas ofereceram possibilidades excepcionais aos designers, com sua combinação de beleza e liberdade. No cenário idílico do Vallée de Joux, homens e mulheres artesãos dão vida a verdadeiras obras de arte inspiradas pela criatividade da própria natureza. As criações dos artesãos são peças maravilhosas, como verdadeiros milagres, e homenageiam a paisagem de conto-de-fadas a seu redor.
“A natureza é uma obra-prima perfeita. Jaeger-LeCoultre realça sua beleza com maestria técnica”, diz Giampiero Bodin, diretor artístico da Richemond, criador da coleção temática Le Lierre.
A coleção é composta por um par de brincos, um anel, um colar e a peça mais extraordinária: um relógio. Cerca de 14.000 pedras preciosas – incluindo dois excepcionais diamantes amarelos ovais Fancy Intense Yellow (pureza IF – 5,19 quilates) e um diamante Fancy Vivid Yellow (pureza VS1 – 2,32 quilates) – foram utilizados para a montagem, combinando as intensas nuances de verde-ouro com volume e detalhes delicados, para recriar um efeito de sombras típico da natureza intacta, selvagem e eterna.
A fidelidade das peças às folhas e elementos da natureza, em toda sua imensidão e particularidades, deixa a todos boquiabertos e perplexos. O mestre ourives recriou cada uma das nervuras, reproduzindo as folhas uma por uma, cada caule e cada detalhe singular da hera.
Dotado de um movimento mecânico de corda manual (Calibre Jaeger-LeCoultre 846), o relógio é simplesmente a peça mais sensacional da coleção Le Lierre, um artigo de relojoaria e alta joalheira sem igual. Inteligentemente escondido sob uma folha, o dial do relógio se disfarça perfeitamente em meio à paisagem de conto-de-fadas à sua volta.
Dados do relógio:
Base em ouro amarelo 18 quilates, banhado parcialmente com ródio negro; 8.540 pedras preciosas e semi-preciosas totalizando 106,2 quilates – safiras amarelas e verde-escuro, tsavoritas de esmeraldas; entrelaçamentos feitos com as melhores técnicas de incorporação; dial escondido sob uma folha; movimento Jaeger-LeCoultre calibre 846; funções de horas e minutos; caixa, coroa e dial cravejados de pedras.
Preço: US$ 4,3 milhões

Fonte:blogdoluxo

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

BVLGARI SERPENTI......




Dentre as coleções exclusivas de jóias e relógios, a Bvlgari Serpenti se destaca por expressar os valores da grife italiana em sua essência mais pura. A valorização do trabalho artesanal está presente na atenção a cada detalhe, no refinamento das técnicas e na habilidade incomparável em produzir verdadeiras obras de arte.
Desde seu lançamento, ainda nos anos 40, a coleção Bvlgari Serpenti vem sendo reinterpretada ano após ano, com propostas e inovações surpreendentes. A coleção Serpenti 2011, apresentada na SIHH – Salon International de La Haute Horlogerie – contou com dois modelos super exclusivos, que combinam toda a habilidade relojoeira com a fina e delicada arte da alta joalheria italiana.
Inteiramente confeccionados seguindo as mais complexas técnicas artesanais, os dois relógios contam com um extravagante apelo estético e fascinam não apenas pela sensualidade do design sinuoso, mas também pela curiosidade em relação ao ‘relógio secreto’.
Em ambos os modelos, o frame dos relógios foi executado em ouro 18 quilates e seu formato reflete com perfeição a cauda, o corpo escamado e a cabeça de uma serpente.
No primeiro modelo, o frame em ouro branco recebeu ametistas, esmeraldas e diamantes, que foram aplicados com invejável precisão, por todo o corpo da serpente. A cauda foi revestida por um pavé de diamantes em lapidação brilhante, enquanto a cabeça foi decorada por duas pedras lapis lazuli em corte cabochon, como se fossem os olhos da serpente. Ao todo, são 761 pedras preciosas que totalizam aproximadamente 26,49 quilates.
A segunda criação Serpenti 2011 conta com o mesmo design do primeiro modelo, porém com frame em ouro rosa, decorado por safiras rosas, ametistas e diamantes, que revestem todo o corpo da serpente e totalizam cerca de 31,46 quilates em pedras preciosas. A cauda encerra a versão com um majestoso pavé de safiras rosas.
Em ambos os casos, os diamantes utilizados foram selecionados cuidadosamente pelos gemólogos da Bvlgari, e receberam classificação D-G quanto à sua cor (os mais transparentes) e IF-VVS em relação à sua pureza (com menor índice de impurezas), de acordo com a escala 4C.
O formato triangular da caixa (40 mm) remete à cabeça da serpente, e se abre com um leve toque, revelando o relógio secreto. O dial também recebeu fileiras de pedras preciosas, evocando toda a riqueza e sofisticação do trabalho artesanal.
O movimento suíço a quartzo calibre Bvlgari  oferece grande precisão para as funções de horas e minutos, e foi desenvolvido in-house pelos experientes artesãos relojoeiros da grife italiana.
Como resultado de tanta dedicação e atenção aos detalhes, o Bvlgari Serpenti é um relógio exuberante e, literalmente, envolvente, que pode ser usado como uma segunda pele.
Preço: a partir de US$ 170.000 (sem impostos e frete)

Fonte:blogdoluxo

terça-feira, 16 de agosto de 2011

VOCÊS CONHECEM A MICA???

Alguns minerais me deixam enfeitiçada. As vezes é pelo brilho, as vezes é pela forma e hoje, vamos falar de um deles que me encanta em quase todos os aspectos.


 Quem é que já ouviu falar em Mica? É um grupo de minerais que tem uma formação especial e em camadas. A palavra “mica” pensa-se ser derivada do latim  ”micare”, que significa brilho, em referência à aparência brilhante deste mineral. A mica é mais brilhante quando se apresenta em pequenas porções. Ela pode vir em cores algumas cores entre elas branca, preta, marrom, roxa e verde! A mica curiosamente é muito usada como isolante para equipamentos para ala tensão devido a sua alta rigidez e sua estabilidade química.

 A mica também é usada para janelas de fogões, suas lâminas prensadas são comumente utilizadas por sua alta resistência a calor. É engraçado ver como uma pedra tão linda é também tão útil em áreas tão distantes da joalheria. Em algumas pedras pode-se encontrar mica em suas inclusões, um bom exemplo disso é a aventurina! Até o século 19, grandes cristais de mica eram raros e caros,mas, seu preço caiu drasticamente quando grandes reservas foram encontradas e extraídos na África e América do Sul no início do século 19. . A China foi o principal produtor de mica com quase um terço da quota global, seguido de perto pelos EUA, Coreia do Sul e Canadá. Grandes depósitos de folha de Mica foram minadas na Nova Inglaterra do século 19 até a década de 1960. Os homens usam mica desde a pré história. Ela foi encontrada em pinturas rupestres e estamos falando em 40 mil anos antes de Cristo. Na cidade do México, a Teotihuacan é a imponente pirâmide do Sol  e contém consideráveis camadas de até 30 cm de mica. Ao longo dos tempos, pós finos de mica têm sido utilizados para diversos fins, incluindo fins decorativos. Na India eles usam pequenos cristais de mica para se enfeitas e o palácio Padmanadbhapuram tem suas janelas feitas dela. É um mineral incrível que deveria ser mais utilizado em joalheria.  Tem um efeito de asa de borboleta digno de Lalique e do auge do movimento art nouveau. Portanto gente, mãos a obra e aproveitem o que a natureza tem a oferecer. A mica é linda e merece ser valorizada!


Fonte:falandoemjoias

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

O PERFUME QUE É UMA VERDADEIRA JÓIA!!!!!




A DKNY Fragrances fez parceria com o joalheiro Martin Katz para criar um frasco de perfume especial, avaliado em um milhão de dólares! Em forma de maçã, o frasco é esculpido em ouro 14k, com 2.700 diamantes (15,17ct) e 183 safiras amarelas (2,28ct), que compõem o horizonte de Manhattan, paisagem que tem tudo a ver com a marca DKNY. Na tampa há também um diamante amarelo, de 2,43 quilates. O conteúdo traz o DKNY Golden Delicious Eau de Parfum.Como se não bastasse tanto luxo, o frasco ainda tem uma base de duas camadas de vidro, entre as quais os continentes são representados com gemas preciosas, incluindo uma  turmalina Paraíba do Brasil (1,65ct), uma safira em cabochão (7,18ct) do Sri Lanka, 15 diamantes rosa da Austrália, além de esmeralda, rubi... Que luxo delicioso esse perfume não meninas?????


Fonte:jóiaBr

terça-feira, 9 de agosto de 2011

RALPH LAUREN E SUA JOALHERIA LINDA!!!

No final do ano passado, a grife Ralph Lauren abriu no coração de Nova York, uma boutique exclusiva para o público feminino. O prédio na Madison Avenue conta com quatro andares dedicados apenas à moda ready-to-wear, fragrâncias e acessórios, um verdadeiro deleite para as elegantes mulheres entusiastas da marca.
Entretanto, o piso térreo merece destaque graças a seu enorme salão onde são exibidas peças de alta joalheria e relógios refinados, confeccionados com materiais nobres e pedras preciosas.
Recentemente, a Ralph Lauren apresentou cinco coleções de jóias exclusivas para a boutique da Madison Avenue:
The Ralph Lauren Diamond Link Collection: correntes em ouro, cravejadas por diamantes, se entrelaçam e dão vida a colares, pulseiras e anéis com brilho fabuloso.
- The Ralph Lauren Equestrian Collection: a tradição eqüestre da grife americana está presente em colares, pulseiras e brincos decorados com motivos charmosos, como estribos e cavalinhos Polo Ralph Lauren em ouro e diamantes.
The Ralph Lauren Monogram Collection: como o próprio nome sugere, o monograma “RLᴙ” em ouro rosa e coberto por diamantes marca o auge da elegância em colares e pulseiras formadas por múltiplos cordões de pérolas Akoya.
The Ralph Lauren New Romantic Collection: uma coleção de brincos inspirados nos clássicoschandeliers da grife Ralph Lauren Home, decorados com delicados pingentes de ametistas e rubis que evocam todo o romantismo do estilo bo-ho.
The Ralph Lauren Chunky Chains Collection: anéis com influência urbana e moderna, de aros robustos e largos, adornados por correntes cravejadas de diamantes e pedras principais de alto quilate.
As jóias surpreendem por sua riqueza de detalhes e pelo exímio trabalho artesanal dedicado a cada peça, tanto na confecção dos frames em ouro branco, amarelo ou rosa, como também na aplicação das pedras preciosas e dos pavês de diamantes.
Com localização privilegiada em Nova York, a boutique Ralph Lauren comercializa jóias de máximo refinamento, que expressam toda a sofisticação e o glamour americano.
Preço: US$ 145.900
Fonte:blogdoluxo

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

EXCEPTIONAL PIECES!!

Criada em 1874 por George Piaget, um empresário e entusiasta dedicado a criar relógios fascinantes que combinassem toda a habilidade relojoeira com a fina e delicada arte da joalheria, a Piaget se tornou uma das fabricantes de relógios e jóias mais renomados da Suíça. Sua sede em Neuchâtel está situada em uma região conhecida atualmente como o berço da alta relojoaria, em meio às montanhas suíças de Jura, no pequeno povoado de La Côte-aux-Fées.
A marca é internacionalmente conhecida por produzir relógios notáveis, de precisão inigualável e refinamento atemporal. Estas verdadeiras obras-primas preservam seu valor por inúmeras gerações, além de conferir beleza e atrair olhares onde quer que estejam.
Lançada em 2009, a coleção Limelight Exceptional Pieces conta com peças de beleza extraordinária, que compreendem magníficos relógios esculpidos em ouro branco 18 quilates, e que demonstram a excelência da marca quando o assunto é a atenção aos detalhes e o primoroso trabalho artístico e artesanal de aplicação das pedras preciosas.
O primeiro relógio da coleção Piaget Limelight Exceptional Pieces , que recebeu especial atenção do Blog do Luxo em uma matéria específica. O brilho sedutor de seus 437 diamantes em corte baguette e a tampa deslizante que esconde o dial captam toda a curiosidade deste exemplar.
Os ‘relógios-secretos’ são uma das maiores especialidades da Piaget. O mais novo modelo recebeu inspiração dos encantadores jardins e da exuberância das flores encontrados na natureza. Confeccionado em ouro branco 18 quilates,  exibe as curvas, volumes e pedras preciosas habilmente posicionados para criar uma composição extremamente luxuosa.
Entre caixa, mostradores e pulseira, este relógio da coleção Piaget Limelight Exceptional Pieces conta com uma quantidade vertiginosa de diamantes aplicados manualmente, em diferentes lapidações, como nas tradicionais técnicas de marchetaria. Ao todo, são 296 brilhantes (20,7 quilates), 142 em corte pera (47,8 quilates), 66 em corte baguette (4,2 quilates) e 2 enormes diamantes em corte marquise, que formam as coberturas sobre os dois mostradores, totalizando 3,5 quilates.
Os dois dials parecem repousar delicadamente sobre a pulseira, que possui design inspirado no entrelaçamento de raízes e caules de flores. Um deles foi esculpido em madrepérola, enquanto o outro recebeu pavê de pequeninos diamantes. Para indicar as horas, ambos os mostradores contam com dois diamantes indicando 12 e 6 horas, além de ponteiros em forma de espada, no melhor estilo Piaget.
O movimento a quartzo Piaget 56P dá vida aos dials e garante a precisão absoluta de cada mostrador.
Os relógios da coleção Piaget Limelight Exceptional Pieces combinam de forma única toda a classe e o refinamento altamente contemporâneo. Com design original e o compromisso da grife Piaget em atingir a perfeição quando o assunto é relojoaria de luxo, este secret-watch realmente surpreende.
Preço: US$ 1,8 milhão 
Para maiores informações, visite o site: www.piaget.com

Fonte:Blogdoluxo